Livro | 1984 – George Orwell

12_2020

Estou atrasadinha? Talvez, mas vocês terão que me desculpar. Parando para pensar, 2020 está com tudo: em meio a muito trabalho, muitos estudos tanto na faculdade como para certificações de T.I, está rolando uma Pandemia… pois é minha gente, 2020 tá Punk.

Mas bora falar de mais um livro maravilhoso que li do Geroge Orwell: 1984.

 

Leia também: 12 Livros para 2020

 

1984
Adquira na Amazon 

Winston vive aprisionado na engrenagem totalitária de uma sociedade completamente dominada pelo Estado, onde tudo é feito coletivamente, mas cada qual vive sozinho. Tendo que tomar cuidado com o que diz ou pensa, pois podem ser presos pelo Duplipensamento.

 

 

Publicado em 1949, em um momento Pós-Guerra, o último livro escrito pelo George Orwell, 1984, é considerado uma distopia, mas, sejamos sinceros: uma distopia que não é tão distante do ano de sua publicação e se encaixa praticamente em vários momentos, mesmo agora, em 2020.

Com um governo Onipresente, pois até mesmo nas casas das pessoas há uma Teletela que serve para vigiar a população. Até mesmo o momento de sono pode ser perigoso, pois, se disser algo que o governo não acha aceitável para com aquilo que o Grande Irmão prega, a pessoa pode ser presa pelo Duplipensamento.

Mas o que é Teletela, o Grande Irmão ou até mesmo o Duplipensamento?

Bem, vou tentar separar tudo isso em mini tópicos, mas já adianto que, por ser um livro riquíssimo de discussão, ao final deixarei algumas outras resenhas que assisti ou li ao longo de muitos anos e que acho interessante vocês verem. Mas destaco o vídeo da Maria Eduarda, do canal Registros Literários, que para mim, foi um baita complemento de pensamento.

1984-hgeorge-orwell-literalmente-uai

 

O GOVERNO

O partido lida com a população de forma totalitária e de lavagem cerebral, tendo inclusive os 2 minutos dedicado ao ódio daquele, que eles chamam de traidor do partido Emmanuel Goldstein. O Partido “busca o poder por seu próprio bem. Não está interessado no bem dos outros, está interessado unicamente no poder”

O momento de ódio do Emmanuel Goldstein é algo que, mesmo lendo, senti a carga pesada. As pessoas são incentivadas pelo partido de dizerem as coisas mais cruéis e agir de forma mais animalesca possível (olha, estamos vivendo algo parecido no Brasil), tudo isso, tendo como chefe o Grande Irmão.

O lema do partido é:

Guerra é paz,
Liberdade é escravidão,
Ignorância é força.

Tem também em sua estrutura, 4 Ministérios que corroboram com todas as atidudes cruéis do partido e seus nomes são exatamente o oposto do que elas pregam:

Ministério da Verdade – Responsável pelas falsificações de documentos e da literatura (aquelas permitidas pelo partido). As falsificações e a literatura que o Partido solicita a mudança deve condizer com o que os políticos informam e com os resultados que realmente acontecem. Seguindo essa lógica, o Partido é infalível, pois nunca errou.

Ministério da PazÉ responsável pela Guerra. Mantendo a Guerra contra os inimigos da Oceânia, no caso Lestásia ou Eurásia.

Ministério da PunjançaÉ responsável pela fome.

Ministério do AmorÉ responsável pela espionagem e controle da população. O Ministério do Amor lida com quem se vira contra o Partido, julgando, torturando e fazendo constantes lavagens cerebrais.

 

1_3_6hErQC_tpjq2W17RP4xg

O GRANDE IRMÃO

O Grande Irmão é o centro da tirania do Partido. Sendo um personagem Onipresente e ao mesmo tempo uma personalidade oculta, que pode ou não pode ter realmente existido. Mas é justamente essa grande personalidade que trás as pessoas o medo e a alienação a população.

Big Brother is Watching You 

SOCIEDADE

Em 1984 a divisão territorial como conhecemos já não é a mesma, agora existem 3 novos continentes nesse novo mundos: Oceania, Eurásia e Lestásia. A Oceania, no inicio do livro estão em guerra com a Eurásia e conforme a necessidade do Partido, bem como o Winston começa a perceber.

Existem 3 classes sociais no livro:

  • Alta – Grande Irmão e Partido Interno (2%);
  • Média – Partido Externo (13%);
  • Baixa – Proles (85%);

 

resenhadolivro-1984-georgeorwellcapa

WINSTON SMITH

Podemos dizer que o Winston pertence a classe média dessa distopia. Ele trabalha no Ministério da Verdade e é um dos responsáveis por alterar artigos de jornais, livros ou quaisquer outros itens escritos que estejam contradizendo com “novas” informações do Partido.

Logo no inicio vemos que o Winston fez algo que pode ser considerado um crime, que é adquirir um diário. E a partir daí, vemos que ele tem uma visão em relação ao partido que pode ser considerado perigosa: ele percebe que há coisas que são alteradas, ele tem essa consciência e ele não aceita.

Abaixo o Grande Irmão

E tudo se torna mais perigoso quando ele inicia um relacionamento.

É perigoso pensar. Não somente nesse livro, mas nos dias atuais.

O que vemos ao decorrer do livro se torna as vezes pesado, triste, principalmente quando olhamos para os nossos dias atuais. E foi em meio a pandemia que li esse livro. Embora ele faça parte dos 12 Livros de 2020, somente agora tive cabeça para poder escrever (e olha que nem abordei tudo o que eu realmente queria), estamos em tempos difíceis e obscuros.

Vou ficando por aqui, mas antes, segue algumas dicas para completar essa minha resenha e fica meu apelo, caso você não tenha lido 1984: LEIA!

Literatura Fundamental
Resenha Tatiana Feltrin
Resenha OMD
Resenha Cadê a Chave
Resenha A Bookholic Girl

 


Ficha Técnica

Autor: George Orwell
Tradutor: Heloisa Jahn e Alexandre Hubner
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 416

 

 

4 comentários em “Livro | 1984 – George Orwell

Adicione o seu

  1. Eu já li esse livro duas vezes e ele só se mostra cada vez mais atul, principalmente agora com a tecnologia dos smartphones e redes sociais, onde nós mesmos carregamos nossa teletela por ai e fazemos questão de mostrar tudo sobre nossas vidas e pensamentos nela. Gostei muito do seu texto, pois além da resenha acho muito legal trazer esses detalhes da distopia para preparar os leitores, parabéns!
    Abraço,
    Liv | Resenhas Caóticas | A Odisseia | Instagram

    Curtido por 1 pessoa

  2. Ah Willy esse livro é tão necessário, já o li duas vezes e a cada vez faço mais reflexões sobre a sociedade em que vivemos. E como vc bem mesmo colocou, o livro é muito atual, demais, infelizmente. Obrigada pela menção honrosa à minha resenha! ❤

    Curtir

Deixe uma resposta para Liv Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: