Livro | Confie em Mim – Harlan Coben

selo_parceiro_arqueiro_2019

Tia e Mike querem proteger seus filhos, principalmente Adam, um adolescente que está agindo de uma forma que eles não estão reconhecendo. Poderiam partir do pressuposto que foi após o suicídio de Spencer, melhor amigo de Adam, mas algo diz que não. Por isso, eles se convencem de espionar todo o acesso no desktop do filho.

CONFIE EM MIMMarianne sempre foi um furacão. Seus atos sempre acaba se resvalando em alguém e dessa vez não será diferente. Mesmo aqueles que ela deixou para trás há muito tempo, podem sofrer as consequências, mas por que ela não pode ser apenas autodestrutiva?

Uma brincadeira feita em sala de aula na frente dos colegas pode mudar para sempre o curso da vida de uma criança. Achar normal as reações exageradas de um filho. Ser protetor demais, podem trazer consequências jamais pensadas, que pode colocar em xeque a vida de pessoas.

O que você sabe sobre depressão? Vemos diariamente muitas pessoas falando que conhece alguém deprimido ou que é uma pessoa que tem depressão, afinal, tornou-se o mal do século.

Tudo era tão frágil, esse era o problema. Nenhuma novidade, claro, mas de modo geral o que fazemos é bloquear a verdade: nos recusamos a admitir que nossas vidas podem ser destruídas tão facilmente, de outro modo, entraríamos em parafuso. Todas aquelas pessoas que vivem com medo e precisam de remédio… Elas são assim porquê têm consciência das coisas, da linha tênue que nos separa do desastre. Não é que não aceitam a verdade: simplesmente não conseguem bloqueá-la.

Neste livro, Harlan Coben joga na mesa esse tema. Lançado no começo dos anos 2000, é incrível que quase vinte anos se passaram e o assunto é tão atual que poderíamos ficar horas discutindo sobre. Afinal, será que podemos dizer que a super proteção pode afetar o desenvolvimento dos filhos, ou será que a liberdade e excesso de confiança podem também atrapalhar.

Confie em Mim não é um livro leve, pelo contrário, em muitos momentos você se sentirá incomodado com certas reflexões. Bem como é inevitável não fazer um comparativo com a sua própria vida.

Mais um livro que leio do autor e que não posso reclamar dos personagens. TODOS sem nenhuma exceção me cativaram, desde as crianças Jill e Yasmin, até os personagens mais adultos.

Ninguém se sente a vontade na própria pele.

Inclusive, se você ainda não leu o livro, preste bastante atenção nas crianças desse livro. Elas tem frases que não deveria ser dito por uma criança. E o que mais gostei do livro é saber que o autor colocou palavras pesadas na “boca” das personagens infantis, deixando claro a todos o quanto devemos prestar atenção nos nossos filhos, sobrinhos ou irmãos.

CONFIE_EM_MIM_ARQUEIRO.jpg
Adquira na Amazon

A escrita do autor é eletrizante. Infelizmente tive uma crise de enxaqueca que me impossibilitou de ler por uns quatro dias, mas quando melhorei um pouquinho e peguei para ler, a coisa se tornou surreal, li praticamente mais da metade do livro em apenas um dia, pois queria saber mais e mais o que estava acontecendo.

 

É incrível como o autor consegue nos fisgar. E meio que me lembrei das inúmeras pessoas que reclamam do Dan Brown, falando que os livros dele são escritos do mesmo modo sempre. Mas se você parar para pensar, o Harlan Coben faz a mesmice coisa. Ele te joga para um evento x, depois passa para os personagens principais, insere mais e mais personagens misteriosos, para no fim… Voilá! Tudo faz sentido.

E não pense que estou reclamando! Amo o Dan Brown e estou amando o Harlan Coben, mas isso me fez questionar se as vezes as pessoas não hipócritas demais… isso fica para outra conversa.

Spencer sempre fora instável: ora estava nas nuvens, ora no fundo do poço. Falava em fugir, em abrir um negócio próprio, mas, sobretudo, em morrer e acabar com a dor.

Antes de encerrar a resenha, só acho que deveria ter em algum lugar dizendo que pode conter gatilho, fica a dica Editora Arqueiro. Pode ser que muitos achem bobagem, mas para quem tem depressão ou já tentou suicídio esse tema pode acabar mexendo com alguns monstros que carregamos.

Confesso que em alguns momentos me bateu desespero, principalmente em falas dizendo que em algum momento da nossa vida, perderemos nossos entes queridos ou que nossa vida é passageira. E te digo, isso não foi legal.

Caso você se sinta com um vazio enorme e não tenha vontade de executar as cosias na sua vida,procure um psicólogo. Ou converse com alguém que você confia. Peça ajuda!

Você não tem ideia como as vezes o mundo pode parecer cinza demais para estar vivo, mas você com toda a certeza ilumina o mundo de alguém. Por isso, procure ajuda. O suicídio as vezes parece ser o melhor caminho para apaziguarmos nossas dores, mas não é verdade.

Em momento de desespero, ligue para o CVV (Centro de Valorização da Vida) 188. Eles atendem 24 horas por dia, nos 7 dias da semana.

cvv


Ficha Técnica:

  • Autor: Harlan Coben
  • Gênero: Policial
  • Capa comum: 320 páginas
  • Editora: Editora Arqueiro

 

12_2020

2 comentários em “Livro | Confie em Mim – Harlan Coben

Adicione o seu

  1. Oies Willy! Li esse livro há alguns anos e realmente não tinha a preocupação que hoje se tem com os transtornos mentais, tbm acho que seria válido a editora trazer um aviso, já que lançaram uma nova edição. Sobre a trama eu sou suspeita a falar pq eu adoro as narrativas construídas pelo autor e dificilmente consigo desvendar os mistérios até chegar ao final e ler, ver como tudo se encaixa. Bjos

    Curtir

Deixe uma resposta para A Bookaholic Girl Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: