[Mangá] Tekkon Kinkreet – Taiyō Matsumoto

IMG-20190317-WA0003
Tá pensando em adquirir? Dá uma olhadinha na Amazon

Uma história que têm três protagonistas: dois garotos e a cidade. Tekkon Kinkreet é uma história de “aventura” no meio da dura realidade. Esse é um mangá que tenho já há muito tempo na minha coleção, mas que nunca tinha achado o “tempo certo” pra ler, porém foi uma leitura tão fluída e ao mesmo tempo tão significativa que fiquei arrependido de não ter lido antes. Tekkon narra o dia a de dia de Kuro e Shiro (preto e branco em japonês) na cidade de Takara-cho, uma cidade dominada pelas gangues, violência, pobreza e solidão das pessoas, mas mesmo assim uma cidade viva e que molda seus habitantes.

As duas crianças vivem sozinhas, lutando pra sobreviver, mas ao mesmo tempo vivendo da forma como querem. Eles são conhecidos pela cidade como os “gatos”, por viverem lutando de um lado pro outro nos telhados e postes. Isso não é explicado com clareza na obra, porém em alguns momentos é dito que eles voam, e realmente as cenas de alguns quadros dão essa impressão. Kuro parece ser o mais velho, sempre protetor e aquele que cuida de tudo através da força. Shiro é mais inocente, mais “puro”, parece viver sempre avoado e dono de uma imaginação muito fértil, porem nos momentos que é preciso ele sabe lutar e se defender tão bem quanto Kuro. Um é o oposto do outro, mas ambos se complementam e juntos eles são um só, e é em meio a essa cidade caótica que os dois lutam para sobreviver e se manter vivos e psicologicamente estáveis, afinal Kuro repete o tempo todo que a cidade é dele e é ele que a controla. Não da pra contar muito sobre os acontecimentos porque seria da spoilers sobre ele, mas lhes digo que é uma história divertida e ao mesmo tempo pesada. A violência nela não é gritante, mas está presente em um meio social completamente disfuncional onde quem dita às leis são os mais fortes ou com poder aquisitivo maior.

img-20190317-wa0006.jpg

A arte do mangá a principio parece ser “estranha e feia”, mas acredito que ela condiz perfeitamente com o clima da história e o leitor se acostuma muito rápido com ela. E apesar da edição ter mais de 600 páginas a leitura é muito fluida e rápida, da pra ser lido em uma sentada só.

Tekkon Kinkreet é mais um lançamento do cedo Tsuru da Editora Devir lançado em 2018 em um único volume que compila toda a história. No passado esse mangá foi lançado pela Editora Conrad em três volumes com o titulo de Preto e Branco. A obra original foi lançada no Japão em 1994. Em 2006 houve uma adaptação da obra para um filme animado. Eu ainda não tive a oportunidade de assisti-lo, mas fica essa curiosidade caso tenho interesse de ver o obra em outra mídia.

Uma leitura relativamente rápida, mas cheia de questões sociais abordada, com um teor de violência um tanto recorrente, mas que não é o foco da história e que conseguiu ganhar o Prêmio Eisner de “melhor edição Internacional de 2008”. Fica a dica dessa história onde o ambiente em que ela se passa é um personagem tão importante quanto (ou talvez até mais) os personagens que a narram.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: