[Poema] Não, não é cansaço – Álvaro de Campos

Não, não é cansaço... É uma quantidade de desilusão Que se me entranha na espécie de pensar, É um domingo às avessas Do sentimento, Um feriado passado no abismo...   Não, cansaço não é... É eu estar existindo E também o mundo, Com tudo aquilo que contém, Com tudo aquilo que nele se desdobra E... Continuar Lendo →

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑